Como criar uma startup com este passo-a-passo simplificado

Esforço, suor e dedicação. Quem deseja saber como criar uma startup deve ter em mente que se ele não estiver disposto (a) a isso, não vai conseguir nada.

Não existe fórmula mágica para criar uma startup, mas você pode seguir alguns passos básicos que vão te auxiliar nesse processo.

Quer saber que passos são estes? Então confira a seguir!

Passo a passo para saber como criar uma startup

1 – Visão de produto e validação do negócio

Crie uma tabela para que você possa ter uma visão macro do seu produto ou serviço e das estratégias que pretende utilizar. Essa tabela vai orientar você na criação do seu modelo de negócios.

O seu quadro pode ser divido em:

Visão – é onde você vai colocar qual a sua intensão para com o seu produto ou serviço.

Público-alvo – quem você pretende atingir com o seu produto ou serviço

Necessidade – qual a necessidade deste produto na vida do cliente. O que ele pode oferecer, quais problemas vai resolver, porque as pessoas vão querer o seu produto ou serviço.

Produto – um resumo de suas principais funcionalidades

Valor – porque a startup pretender investir naquele produto ou serviço e o que ela aguarda em troca. Diga quais são os ganhos que são esperados para o negócio e em quanto tempo esperam obter aquele resultado.

Com o quadro pronto é hora da famosa pesquisa. Vá para campo, entreviste possíveis clientes, apresente o produto e tome nota de todas as observações que eles fizerem.

2 – Defina o modelo de negócios

Com o quadro pronto e a pesquisa também, o próximo passo para saber como criar um startup é pensar no seu modelo de negócios. A melhor ferramenta a ser utilizada neste caso é o CANVAS.

Com ele será possível que você consiga enxergar todos os aspectos essenciais do seu modelo de negócios, assim como as várias áreas dele.

3 – Validar o seu produto ou serviço

Com o modelo de negócios em mãos, agora você deve partir para a validação da solução apresentada por você. Aqui é que será possível perceber se os clientes necessitam ou não do que você está oferecendo.

Volte aos clientes que você pesquisou lá no início e veja se a sua solução será aceita por eles ou se precisa sofrer modificações.

Não tem como criar um startup sem que você estude o seu público a fundo, pois no caso do seu produto ou serviço ainda não tiver sido desenvolvido, você pode entendê-lo e saber se eles usariam ou não o que você está oferecendo mesmo antes da sua solução estar concluída.

É possível sim que você consiga validar a sua solução sem ter o seu produto ou serviço pronto.

4 – Defina o seu cliente

Como dissemos anteriormente, é essencial que você estude o seu público a fundo para conhecê-lo muito bem. Entenda-os, saiba qual o perfil deles, quais são as suas necessidades, seus problemas, expectativas, seu comportamento de consumo. Saiba tudo.

Neste momento é fundamental que você comece a criar as suas personas, ou seja, uma representação não real do seu cliente perfeito.

Idade, gênero, preferências pessoais, profissionais, rotina durante a semana e nos finais de semana, se ele tem renda ou não, em que gasta o tempo livre e o que ele espera e pretende com o produto ou serviço que você oferecer.

Tudo isso ajuda quando o assunto é conhecer bem o cliente. Esse processo só deve ser feito quando você souber quem são os seus possíveis consumidores.

5 – Construção do produto

Somente depois de passar por todas essas etapas é que você pode começar a pensar na construção do seu produto.

Uma vez que todas as pesquisas já foram feitas e todos os entendimentos acerca da sua solução já estão compreendidos, as chances do seu produto ou serviço se mostrar sem utilidade para os seus consumidores é mínima.

Portanto, se deseja prosperar com o seu negócio, siga os passos acima, pois somente dessa forma você saberá como criar um statup de sucesso.